RSS

Mensagem

Olá! Estou retornando ao blog após um longo tempo sem postagens... Template renovado, gadgets atualizados e vamos escrever! Boa leitura a todos! Divirtam-se!

Como iniciar uma redação???


DESENVOLVIMENTO DO RACIOCÍNIO LÓGICO-EXPOSITIVO

Existem muitos maneiras de expor ideias, de desenvolver o raciocínio dissertativo. Vamos mostrar alguns com os quais você certamente enriquecerá seu repertório de possibilidades lógico-expositivas, elaborando seu texto com mais liberdade.
Observe o tema abaixo:
“A violência no cotidiano da cidade grande.”
Pelo método de estruturação de textos que sugerimos, a introdução tem como finalidade apresentar o assunto e a posição assumida diante dele, isto é, a tese a ser defendida. Essa representação pode ser feita de muitas maneiras. Vejamos uma:

* Definição:
Pode-se começar a dissertar fazendo uma definição do tema, para atribuir maior clareza e objetividade ao texto.
Por exemplo: Violência é...
A violência se caracteriza como...
Um ato é violento quando...
Existe violência se...
Em seguida, expõe-se o ponto de vista e segue-se o processo dissertativo já sugerido.

* Comparação:
Tem-se também a opção de começar, buscando uma definição do tema por comparação.
Por exemplo: A violência é como...
A violência é semelhante a...
A violência parece-se com..., lembra...
Depois de estabelecida a comparação, fazemos um breve comentário interpretativo dela, explicitando, assim, nossa visão do assunto.

* Citação:
Pode-se ainda iniciar o texto com uma citação relativa ao tema. Uma frase interessante, um verso, um aforismo (sentença breve, conceito), um fragmento, etc...
O ideal é que a citação seja feita de modo clássico: entre aspas, reproduzindo exatamente as palavras do autor e com indicação da fonte de onde foi retirada. Em seguida, faz-se uma pequena análise, um breve comentário a respeito da opinião citada, expondo, ao mesmo tempo, nosso ponto de vista sobre o assunto.

* Histórico:
O início do texto pode fazer um histórico, uma explanação rápida do tema através dos tempos, dando ao tema uma abordagem temporal.
Por exemplo: Antes, a violência era “x”, agora é...
Ontem, a violência era “x”; hoje é “y”, amanhã será...
Prepara-se uma espécie de rápido retrospecto da evolução que se quer demonstrar ou uma breve retrospectiva acompanhada de uma prospectiva.
Depois do histórico, apresenta-se a tese (proposição sobre o assunto, tema) e inicia-se a argumentação.


* Exemplo:
Pode-se também escolher um fato-exemplo expressivo para iniciar o texto. Em seguida, fazemos uma análise interpretativa desse exemplo – que poderá ou não ser retomado mais adiante - , revelando nossa visão sobre o tema.
Iniciar uma dissertação a partir de um exemplo dá concretude e comunicabilidade ao texto.

* Estatística:
Pode-se começar a redação pela apresentação de um dado estatístico esclarecedor sobre o tema. O procedimento é praticamente idêntico ao de iniciar o texto pela exemplificação.

* Resumo:
Um resumo daquilo que se pensa sobre o assunto da redação é uma das possibilidades de início. O começo da dissertação funcionaria, assim, como uma espécie de índice, de sumário do texto, em que se apresentaria de modo sintético o tema, o ponto de vista e a argumentação.
Por exemplo: A violência é “x” porque “y”...
A violência se deve a três fatores: a, b, c.

* Pergunta:
Pode-se ainda principiar o texto fazendo uma pergunta, um questionamento sobre o tema ou sobre algum aspecto dele.
Transformando o tema em uma interrogação, naturalmente já organizamos o desenvolvimento do raciocínio: ao responder à pergunta, apresentamos, ao mesmo tempo, nossa visão do assunto.
Essas diferentes sugestões são algumas das possibilidades de apresentação de ideias, que podem aparecer em inumeráveis combinações diferentes.
Por exemplo: uma pergunta seguida de uma definição e de uma comparação; um fato-exemplo seguido de uma comparação e de uma pergunta; uma citação seguida de uma pergunta, etc...
Não se esqueça que esses de exposição de ideias podem aparecer também no desenvolvimento ou na conclusão da dissertação. Essas sugestões se ativeram na introdução porque é o início do texto que demarca a organização lógica das ideias; e a sequência do raciocínio depende deste encaminhamento inicial.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

0 comentários:

Postar um comentário